4 tendências de mobilidade que vão transformar o mundo

0
266

As inovações no transporte não param. Ao contrário: cada vez mais o avanço tecnológico cria possibilidades que vão transformar o mundo como conhecemos. Neste contexto, temos uma série de tendências de mobilidade que poderão resolver uma série de desafios atuais, como congestionamentos, distâncias e vários outros.

A Ford desafiou os alunos da escola de design Parsons, que fica em Nova York, a estudar tendências de mobilidade. A revista AutoMOTIVO separou os destaques dessas análises que mostram como a mobilidade vai passar por profundas transformações e melhorias nos próximos anos. Saiba mais!

Interzonas

O site conta que os alunos da Parsons propõem a criação de três zonas do tempo, com a primeira funcionando duas horas antes do que seria o “horário do rush”, a segunda sendo esse mesmo horário e a terceira, duas horas depois. A ideia é que a concentração de pessoas em deslocamento na cidade ao mesmo tempo diminua, o que também reduz o congestionamento, a lotação no transporte público e ajuda a eliminar o “horário do rush”. Com o home office, essa mudança já tem acontecido, afinal as pessoas contam com mais oportunidades de escolha ao se deslocarem, o que melhora a mobilidade de forma geral.

Gamificação

Em vez de serem vistos como uma multidão, os usuários de transporte podem ser enxergados como grupos pequenos que competem entre si para ver quem usa melhor o espaço urbano. Este seria o Blue Challenge, que seria controlado por apps e sensores. Como conta a mesma reportagem, o objetivo é fazer com que as pessoas pensem juntas em como se deslocar e usar melhor espaços urbanos. Entre os prêmios, estão desde vagas de estacionamento até descontos em serviços públicos.

Carro como serviço

Não é mais necessário possuir um carro para se deslocar na cidade há um tempo, e essa tendência de mobilidade tende a continuar, diz o texto. Locação, assinatura e outras iniciativas ajudam a organizar o trânsito e, principalmente, ajuda as pessoas a encontrarem soluções de mobilidade de acordo com suas necessidades e respeitando a infraestrutura da cidade.

Pensamento coletivo

Uma das tendências de mobilidade é enxergar o tema sob uma nova perspectiva, principalmente relacionando o assunto com outros desafios de uma cidade. O estudo citado pela revista indica que uma das ideias seria instalar canos que ligam casas a estações de tratamento de lixo, pois isso diminui a circulação de veículos que recolhem resíduos. Outra ideia seria instalar receptores de lixo orgânico aos ônibus e, por fim, outra ideia seria incluir estações de tratamento de lixo nas estações de metrô. Tudo isso ajuda não apenas na coleta de resíduos, mas também melhora a mobilidade de veículos do setor pela cidade.

Para não perder nada do que acontece no setor de transportes e mobilidade, assine agora mesmo a newsletter da Fenatran!

Facebook Comments